A constelação familiar e a gratidão

A constelação familiar é uma ferramenta curativa, eficaz e única com abordagem sistêmica fenomenológica, desenvolvida pelo Filósofo Alemão Bert Hellinger que estudou e aprendeu ferramentas específicas de uma grande variedade de fontes.

Considero a constelação como um caminho para uma nova consciência, uma ponte de conexão com sua força interior, uma jornada de reconciliação e aceitação da sua história de vida.

A gratidão foi estudada e hoje é um dos pilares da psicologia positiva, sabemos que ao utilizar a gratidão, prestar atenção nas coisas boas, direcionar nosso foco para os aspectos positivos pode inclusive mudanças no nosso cérebro.

Pesquisadores da universidade de indiana, nos Estados Unidos, chegaram à conclusão de que ser grato pelas pequenas coisas da vida pode causar grandes mudanças – inclusive cerebrais. Um artigo publicado no Scientific Imaging Journal, atesta que, depois de poucos meses exercitando sua gratidão por meio da escrita, seu cérebro passa a se sentir ainda mais condicionado a ser grato. E isso traz benefícios. 

A constelação familiar nos leva ao encontro do nosso inconsciente. Muitas vezes sentimos dores físicas que são lembranças emocionais de algum evento, situação ou mesmo algo herdado de nossos pais, avós, irmãos ou mesmo outros ancestrais.

Ao realizar uma vivência podemos liberar os efeitos energéticos, condensados e materializados nas células do nosso corpo. Mas para potencializar os resultados dessa ampliação da consciência podemos e devemos utilizar técnica, como a gratidão, atenção plena e apreciação.

Na visão sistêmica a gratidão é a chave do sucesso só podemos crescer e florescer quando somos gratos a tudo e a todos da maneira como eles são ou podem ser.

“Somente um coração agradecido é capaz de aprender.” Angélica Olveira

Todos os dias começamos ou recomeçamos algo, um caminho, um texto, uma ideia, um sonho ou mesmo um desejo secreto de mudar ou modificar algo.

Percebo que muitos começam, mas logo tropeçam nas barreiras, do pensar e sentir e não se permitem agir.  Utilizar a gratidão aliado as leis sistêmicas da constelação familiar podem ser um grande diferencial neste processo de transformação.

Acredito num mundo mais consciente, onde cada ser humano saiba qual é seu lugar , saiba que tudo é possível basta acreditar. Que para querermos mudar o mundo, precisamos primeiro  aceitar  e ser grato à nossa família, junto com sua história, suas dores, suas conquistas e destinos difíceis.  

A gratidão nos permite uma conexão de maneira especial com as coisas simples e complexas da vida, o ato de agradecer nos gera uma força interior e nos impulsiona ao movimento criativo para o mais.

 A constelação familiar é a ferramenta do futuro que proporciona um caminho de ligação com força dos ancestrais e momento presente com muita paz, leveza e aceitação. Uma visão que  nos permite olharmos e nos enxergamos enquanto seres humanos iguais e que cada um tem seu caminho, sua história,  suas dores e também seus dons.

A constelação familiar aliada a gratidão nos oferece um olhar de inclusão com força e ação.

Bert Hellinguer nos diz: ” Não é o muito que sacia e sim o essencial.” 

Comece hoje a aplicar e praticar a  gratidão na sua vida, na sua casa , com sua família, com você mesmo e verá que em pouco tempo terá uma sensação de bem-estar, leveza , e sintonia com o momento presente de uma forma especial. Utilize a chave do sucesso na sua vida!

Gratidão, por me acompanhar neste texto e espero que faça sentido para você e te faça sentir a gratidão de maneira especial!

Um abraço carinhoso.

Thais Pimenta

Thais Pimenta

Psicóloga(CRP 06/103941), Terapeuta de casal e família, Especialista em constelação familiar sistêmica. Formação internacional pela Hellinger Sciencia Alemanha. Palestrante, Escritora e conectada a força do amor que une pessoas a caminho da evolução.
Redes Sociais:
- Instagram: @conexaosistemica_thaispimenta
- Youtube: Psicóloga Thais Pimenta
- Facebook: /conexaosistemicapsicologiaeconstelaçãofamiliar.
- Site: www.thaispimenta.com.br

Gostou desse artigo? Compartilhe...

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
Linkedin
Share on whatsapp
WhatsAppp

Deixe um comentário